quinta-feira, 15 de agosto de 2013

1ª Entrevista do Blog A mãe do Léo - Com Renata A. Figueiredo

Antes de começar quero agradecer a disponibilidade e o carinho que a Renata nos recebeu em sua casa e com muita alegria nos contou um pouquinho de sua maternidade.



Renata tem 35 anos, casada, mãe de Enzo (6) e Enrico (10m), atua na área de documentação e informação na biblioteca da USP, e doutoranda na Escola de Enfermagem da USP.

Ela conta para o Blog A mãe do Léo num gostoso bate-papo; durante uma sessão de fotos de acompanhamento de seu bebê,  dirigida e clicada pela nossa querida e talentosa Fabíola Medeiros; as suas maiores transformações na maternidade.



 -A transformação comeca quando descobrimos a gravidez e começamos a pensar ao máximo em o que comer. E tudo gira em torno do bebe que vai nascer, diz Renata.


Durante o bate-papo eu fiz algumas perguntas para a Rê, que me respondia atenciosamente todas elas, vou dividir com vocês agora,


A mãe do Léo: Qual foi sua maior transformação materna? O que a maternidade mudou em sua vida no aspecto modo de ser?


Renata: Com a maternidade aprendemos a ser mais pacientes, mais amorosas e mais felizes. Você aprende a dar valor a coisas muito simples que antes você não entendia e não tinha a experiência. Um sorriso, um olhar daquele serzinho tão dependente de você, até mesmo de madrugada te enche de alegria.
A maternidade me fez ainda mais curiosa, me fez correr atrás do máximo de informações “de qualidade” possíveis, me fez querer ser sempre muito melhor, melhor como pessoa, como ser humano. Me fez entender que NÓS “Pai e Mãe”somos exemplos para nossos filhos em tudo que falamos ou fazemos.

A mãe do Léo: Na maternidade nós passamos por inúmeras metamorfoses, mudanças no corpo e hormônios, a maternidade te deixou marcas que você trataria se possível?

Renata: Talvez Dê, eu nunca fui muito maluca com estética. Preciso sim voltar pra academia, mas no momento não estou conseguindo tempo, trabalhando 40  horas semanais, fazendo doutorado e com 2 filhos , meu tempo está meio curto, prefiro priorizar a família. Claro que um 'tratamentozinho' pra celulite seria bem vindo (risos).

A mãe do Léo: Qual seu maior feito na maternidade? O que se arrepende? Faria tudo,exatamente como tem feito até hoje?

Renata: Acredito que meu maior feito tem sido tentar ao máximo prolongar a  amamentação! Acho que para amamentar precisamos estar disponíveis e querer muito pois é exaustivo as vezes, você sabe né? E precisamos de muito muito apoio familiar.  

– Renata amamenta Enrico aos 10 meses e diz que irá prolongar até quando ele quiser, fortalecendo o maior vínculo entre mãe e bebê.


A segunda maternidade te dá a possibilidade de fazer diferente, o Enzo como teve refluxo foi indicado pelo pediatra que entrássemos com complemento, eu boba, há 6 anos , não tinha a informação que tenho hoje e complementei, mesmo que pouco, algumas vezes, se fosse hoje faria diferente, Jamais teria dado LA pro meu filho a toa. Na época fique muito magra, pois restringi por conta própria leite e derivados da minha alimentação, pois até eu encontrar uma pediatra que apoiasse e me dissesse que estava correto e que se eu tirasse o leite da minha dieta meu filho pararia de vomitar, demorou 3 meses!

OU seja, acredito muito nos grupos virtuais na época o que me fez pesquisar  mais e mais sobre refluxo e a relação do leite com o refluxo foi um grupo do Orkut,e hoje vejo através de grupos do Facebook tanto o 'Borboletas e Cegonhas', o 'Grupo Virtual de Amamentação' e o 'Gravidinhas e Mãezinhas' que a troca de informação “de qualidade” entre mães só tem a acrescentar!

– Renata complementa que sempre foi em busca de embasamento, principalmente quando precisou se informar sobre o refluxo do Enzo, conta com um acervo bom de informações médicas na biblioteca da USP e também diz recorrer a internet para resolução de dúvidas advindas da maternidade.
Ela conta também que conta com apoio de sua família, incluindo sua mãe que sempre está participando e ajudando no cuidado de seus meninos)

A mãe do Léo: Como é ser mãe de dois meninos? Pretende ter mais filhos?




Renata: Ser mãe de dois meninos é uma loucura! Eles tem muita energia e preciso me desdobrar pra conseguir dar a atenção que precisam e merecem. Não pretendemos ter mais filhos, talvez se eu não trabalhasse, podia até pensar...



– Os meninos da Renata nasceram de cesárea a primeira eletiva por indicação da G.O., a segunda por indicação também, estava agendada, porém Enrico deu sinal antes, sua bolsa estourou e ele nasceu de cesárea, porém na hora que quis e não na hora que a 'dotôra' queria. Renata apoia o parto normal.


A mãe do Léo:  Qual sua maior preocupação na criação deles?

Renata: Minha maior preocupação na criação deles é que eles se sintam AMADOS e queridos! Acho que isso é um ponto fundamental, que se sintam importantes  e que sejam respeitados. Sou contra bater em criança e não acho que seja o melhor caminho. Aqui conversamos muito, damos avisos e avisamos as consequências que isso podem gerar.




A mãe do Léo: Se você pudesse listar aqui alguns conselhos as futuras mamães, quais seriam eles?

       Renata:
  1. Amamente sempre que puder. 
  2. Trate seus filhos com respeito e esteja e sempre com eles
  3. Siga seu coração
  4. Ouça sua mãe, avós, elas sempre tem boas dicas pra nos dar e só querem ajudar

Rê, foi um prazer te conhecer pessoalmente, você e essas gostosuras, parabéns pela mãe dedicada que você é!!!! Beijos nossos pra vocês! Espero você aqui no blog outras vezes!!! Muito obrigada!!!!!











Quer ser a próxima entrevistada? Entre em contato comigo através do e mail: denisepimentalopes@gmail.com











8 comentários:

  1. Parabéns Renata, obrigada pelos conselhos.
    Beijos
    Eliana Galli

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Renata, deve ser uma alegria imensa ser mãe de dois, e fico feliz quando vejo mulheres refletindo sobre a amamentaçao e sobre assuntos da maternagem, pois vivemos ainda em uma sociedade com muitos mitos e valores culturais que acaba por nos cegar diante dos desafios do mundo materno!
    Parabéns Denise pela iniciativa. um beijo!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Renata, pela linda família e por seus propósitos como mãe!! Bjs

    ResponderExcluir
  4. Linda entrevista amei Parabéns a tdos os envolvidos ....

    ResponderExcluir
  5. Que Linda entrevista!!! Renata é uma super mãe!! Inspiraçao...

    ResponderExcluir
  6. Sandra Ap. Lunardelo Pereira29 de agosto de 2013 16:43

    Adorei sua entrevista, me emocionou!!
    Parabéns pela família linda!!, bjos

    ResponderExcluir